REDE MUNICIPAL DE PROTEÇÃO CONTRA A VIOLÊNCIA
Responsável: Prefeitura de Colombo
Comentários desativados em REDE MUNICIPAL DE PROTEÇÃO CONTRA A VIOLÊNCIA

Ações integradas no combate à violência

O Município de Colombo, no Paraná, começou a implantar, em outubro de 2013, uma nova estratégia para combater a violência contra a mulher e contra crianças no município. Integrando todos os programas específicos da prefeitura, a Rede Municipal de Proteção Contra a Violência reúne os gestores dos Centros de Referência de Assistência Social, CRAS, do Centro de Referência Especializado de Assistência Social, CREAS, os coordenadores das unidades de saúde e das escolas municipais.

A Rede Municipal é fruto direto da parceria entre a Secretaria de Saúde e a Secretaria de Ação Social e Trabalho que já desenvolvem um trabalho integrado no atendimento a casos de violência.

A Rede soma as ações e os esforços da Rede de Proteção à Infância e da Rede de Proteção à Mulher, fortalecendo os atores e trabalhadores sociais que desenvolvem ações preventivas e de atenção a vítimas de violência.

 

Tecer os fios da prevenção e da proteção

Nos CREAS já são disponibilizados serviços e ações fundamentais para o atendimento de mulheres vítimas de violência. Elas recebem orientação sobre os serviços e programas que podem lhes prestar apoio em caso de violência, mas também são encaminhadas para atendimentos especializados e continuados, que contribuam para a promoção de mudanças na condição de vida, como o aumento de escolaridade, a inserção no mercado de trabalho ou em programas de capacitação para a geração de renda.

Os CRAS também interferem diretamente na prevenção e combate à violência, na medida em que desenvolvem programas junto às famílias, com ações de orientação junto à comunidade escolar, creches e beneficiários de programas sociais, além da intervenção mais direta através de encaminhamentos e inclusão de mulheres e crianças em projetos específicos para a atenção à vítimas de violência.

A Secretaria de Saúde conta com um equipamento de atendimento exclusivo para a mulher – A Unidade de Saúde da Mulher, que atende também às mulheres vítimas de violência.

A integração de todos esses serviços na lógica da rede tem diversas consequências positivas. A interlocução entre os diversos atores amplia as possibilidades de identificação de situações de violência e amplia também o leque de serviços e encaminhamentos que podem ser indicados para a solução dos problemas vividos pelas mulheres. O diálogo entre profissionais da Saúde e da Assistência Social é fundamental para constituir um processo de saída da condição de vítima de violência.

Cabe ressaltar, que a articulação da rede permitirá a identificação e o atendimento a todo tipo de violência contra a mulher, mas também contra a criança e o idoso.

A Prefeitura de Colombo dá um passo à frente no enfrentamento e prevenção da violência, trabalhando de forma integrada.

Saiba mais sobre os projetos sociais da Prefeitura de Colombo em http://www.colombo.pr.gov.br.