REDES MÃE PARANAENSE
Responsável: Governo do Estado do Paraná
Comentários desativados em REDES MÃE PARANAENSE

O Programa Rede Mãe Paranaense é uma referência nacional de atendimento a gestantes e cuidado com o recém-nascido. Testado pela primeira vez na gestão de Beto Richa na Prefeitura de Curitiba, o Programa mostrou resultados tão significativos que agora ganhou versão estadual com o tucano à frente do Governo do Paraná.

O Mãe Paranaense volta a provar que é uma ferramenta eficaz para a redução da mortalidade materno-infantil. O estado já apresentou uma redução de 41% na mortalidade materna, o melhor resultado do Brasil em 2013. A mortalidade infantil caiu 4% e registra o menor índice da história do Paraná – 11,6/mil nascidos vivos.

Por sua comprovada eficácia, o programa foi replicado em São Paulo, com o Mãe Paulistana, em Pernambuco, com o  Mãe Coruja, em Fortaleza e pelo governo federal, no Rede Cegonha.

O Mãe Paranaense monta e fortalece uma grande rede de atendimento à gestante e ao recém-nascido, garantindo o acompanhamento pré-natal, com no mínimo, sete consultas e até 17 exames, que definem o perfil de risco da mulher e da criança. Além disso, o programa faz o acompanhamento do desenvolvimento do bebê no seu primeiro ano de vida.

A rede de atenção se consolida com implantação de seus cinco eixos de ações:

  1. Organização da atenção primária em todos os 399 municípios do Paraná, o que é pressuposto para a implantação da Rede Mãe Paranaense.
    2. Implantação dos ambulatórios para atendimento da gestante e criança de risco nas 22 regiões de saúde do Estado, na atenção secundária e terciária.
    3. Implantação dos sistemas de apoio diagnóstico e terapêutico (tratamentos).
    4. Organização dos sistemas logísticos: cartão SUS, Sisprenatal (Sistema de Informação do Pré-natal e Nascimento), prontuário (carteira da criança e da gestante), transporte sa nitário eletivo e de urgência, e a regulação do sistema.
    5. Implantação do sistema de governança da rede, por meio das Comissões Intergestores Bipartites – CIB Regionais.

Cabe apontar que apesar de ter como público-alvo direto as mulheres e crianças a Rede Mãe Paranaense atinge toda a família, na medida em que garante a qualidade da gestação e a saúde das mães e de seus filhos.

Conheça mais sobre o projeto em http://www.sesa.pr.gov.br/modules/conteudo/conteudo.php?conteudo=2892